Rede de farmácias realiza mutirão de imunização contra a gripe em Curitiba

0
207

Nissei esteve presente na comunidade do Caximba e em grupos que atendem crianças e adolescentes com deficiência

Nesta terça-feira, dia 17, foi celebrado o Dia Nacional da Vacinação. Segundo dados do Ministério da Saúde, a cobertura vacinal da gripe no estado do Paraná se encontra em 54,92%, enquanto na cidade de Curitiba esse número atinge 48,75%. Com o intuito de promover a conscientização sobre a importância da vacinação, a rede de Farmácias Nissei uniu esforços com diversas organizações para realizar uma campanha de vacinação na capital paranaense.

Durante a semana, os farmacêuticos da rede aplicaram aproximadamente 800 doses da vacina em diferentes locais, atendendo à comunidade do Caximba, a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) e a Escola Alternativa, que oferece suporte a estudantes com Transtornos Globais de Desenvolvimento.

O presidente da Associação de Moradores Amigos do Bairro Caximba, Pastor Jorge Nunes, destaca a relevância desta iniciativa, especialmente para essa comunidade específica, que é uma das mais populosas e vulneráveis do Paraná. Ele ressalta ainda o impacto positivo que essa ação tem, abrangendo não apenas as crianças, mas toda a comunidade.

Já as campanhas realizadas nas APAEs da capital aconteceram em duas unidades: Batel e Santa Felicidade. A coordenadora de saúde da associação, Laura Ribas Tilly Cutrim, comenta que, por atenderem pessoas com diversas atipicidades, possuem contato direto com indivíduos que podem apresentar fragilidade na saúde, devido a comorbidades decorrentes dos próprios quadros que apresentam.

“Atendemos, por exemplo, pessoas com cardiopatia congênita, que é uma das comorbidades comuns em indivíduos com síndrome de Down. A cardiopatia pode tornar a pessoa mais suscetível a infecções. Portanto, realizar o processo de vacinação favorece um ambiente ainda mais seguro e saudável tanto para os nossos atendidos quanto para os colaboradores”, explica.

Na Escola Alternativa, a vacinação foi estendida a alunos e colaboradores. Segundo a diretora da instituição de ensino, Juliana Paula Mendes: “Às vezes, sem perceber, os pais podem enviar seus filhos para a escola mesmo quando eles estão gripados, o que pode resultar na transmissão do vírus para os colegas. Isso é uma preocupação, especialmente quando lidamos com crianças que têm autismo, pois, em muitos casos, elas podem não estar cientes da importância de cobrir o nariz e a boca ao espirrar.”

A preocupação com a disseminação da doença é um dos principais motivos que levou a rede de farmácias a realizar essa campanha. As baixas temperaturas favorecem o contágio por vírus, como o da gripe. Isso ocorre por conta de hábitos ligados ao frio, como a permanência em lugares fechados e pouco ventilados, facilitando a circulação de microorganismos. Alexandre Maeoka, CEO da Nissei, enfatiza sobre a importância de manter a vacinação em dia para que não haja surtos da doença.

“É essencial destacar que, além de resguardar o indivíduo que recebe a vacina, a imunização desempenha um papel significativo na redução da propagação do vírus em toda a comunidade, se tornando fundamental na prevenção de surtos de gripe”.

Deixar um compentário

Please enter your comment!
Please enter your name here