Noturnall lança seu tão aguardado quarto álbum de estúdio, intitulado “Cosmic Redemption”

0
602

Ouça agora Cosmic Redemption:

https://linktr.ee/cosmicredemption

Noturnall é conhecida por ser uma das bandas mais inovadoras e de vanguarda do Heavy Metal brasileiro, realizando feitos únicos como apresentar um show e gravar um DVD com uma bateria que gira 360°, deixando o baterista totalmente de ponta-cabeça e com o vocalista entrando no palco de tirolesa; ter participações especiais em músicas e turnês de lendas do Heavy Metal, como Michael Kiske (Helloween), David Ellefson (ex-Megadeth), Mike Portnoy (ex-Dream Theater), James LaBrie (Dream Theater), Russell Allen (Symphony X), Michael Romeo (Symphony X), entre outros; turnês ao redor do mundo e três apresentações no Rock in Rio, com participações ousadas e inusitadas, como a de Maria Odete Bianchi, mãe do vocalista Thiago Bianchi; gravar um DVD em solo russo e um DVD na primeira apresentação da banda; gravar clipes inovadores e super produzidos, como o da música “Scream! For!! Me!!!” que conta com uma cena real de capotamento aos moldes de Hollywood e com um duelo de bateria apresentando a lenda das baquetas, Mike Portnoy, o clipe da música “Try Harder”, rodado na Favela da Rocinha, e o clipe de “O Tempo Não Para”, música de Cazuza em versão com participação especial de Ney Matogrosso, filmado no Museu do Amanhã, no Rio de Janeiro.

Os clipes citados acima possuem algo em comum: todos fazem parte do recém-lançado quarto álbum da banda, “Cosmic Redemption”. Mais uma vez nadando contra a maré, a banda lançou primeiramente o disco físico, priorizando fornecer a oportunidade de audição antecipada aos fãs que compareceram à sua muito bem sucedida turnê, que ocorreu entre 27 de janeiro e 12 de março de 2023, totalizando 31 shows em 23 estados do Brasil e que também contou com a apresentação do ex-vocalista do Iron Maiden, Paul Di’anno. Tal foi o sucesso da gira, que a banda voltou com uma agenda ainda mais cheia, de 50 shows para o primeiro semestre de 2024, além de grandes festivais pelo Brasil e uma turnê no Reino Unido no segundo semestre de 2023, consolidando o conjunto como um dos mais ativos e que mais se apresentam ao vivo dentro da cena brasileira.

Em uma dessas turnês, porém, a banda passou por um momento difícil: estavam na Suécia, saindo do segundo show de uma turnê que passaria por toda a Europa com o supergrupo Sons of Apollo, quando receberam a notícia de que todas as apresentações seriam adiadas por tempo indeterminado, devido à explosão da pandemia de Covid-19. Segundo o baixista Saulo Xakol, “foi um tempo difícil para o mundo do entretenimento, pois não podíamos pegar a estrada nem nos apresentar e ficamos sem nosso maior combustível, a interação com o público ao vivo. Isso também complicou o deslocamento de alguns de nós até o estúdio para terminarmos a gravação do disco, porém nosso foco foi em trabalhar à distância aperfeiçoando as composições e entregar o melhor que poderíamos aos nossos fãs. Com certeza, este disco é um marco na carreira de todos nós e estamos muito orgulhosos do resultado”.

Nas palavras do vocalista Thiago Bianchi, “Cosmic Redemption é o disco que mais lutei para lançar e provavelmente um dos mais fortes de minha carreira. Depois de toda uma reestruturação da banda e uma pandemia, por muitas vezes achei que não conseguiríamos… Mas o Metal é isso aí, é uma força maior do que os indivíduos de uma banda… e tem vida própria. Orgulho gigante dos meus parceiros de banda e desse disco. Ouçam com força, pois em uma mensagem real, em um tempo de tantas coisas irreais… Redenção Cósmica é exatamente o que estamos passando enquanto raça”.

Finalmente a espera chega ao fim e todos agora podem escutar o álbum nas plataformas de streaming. O tão aguardado disco é o primeiro com a nova formação da banda, a qual estreou em turnê na Rússia, junto com a banda americana Disturbed, no ano de 2019, e que conta com Thiago Bianchi nos vocais, Saulo Xakol no baixo, Henrique Pucci na bateria, e com a presença do virtuoso guitarrista americano Mike Orlando (Adrenaline Mob). Além das já citadas participações de Mike Portnoy na bateria da música “Scream! For!! Me!!!” e de Ney Matogrosso na música “O Tempo Não Para”, o disco também possui os convidados David Ellefson no baixo da música “Take Control” e Michael Romeo nas orquestrações da balada “Shadows (Walking Through).

Deixar um compentário

Please enter your comment!
Please enter your name here